Catrapum!

20110401-023453.jpg

É uma verdade universalmente aceite que eu não consigo estar quietinha a ver televisão sem fazer mais nada. Como todo o mulherio, venho equipada com multi-tasking de origem, mas o meu botão de desligar escangalhou-se.

Acontece que, sem a minha companhia habitual para comentar o Hell’s Kitchen via gtalk, dei comigo a inventar. E diz a experiência que inventar nunca é bom.

O inventar de hoje foi criar um blog novo, onde pudesse debitar as minhas parvoíces sem interferir com o lado profissional. Ora, tentar abrir um blog novo enquanto o Chef Ramsey me distrai com o seu famoso arremesso do peixe cru (It’s RAW!) só podia ter um resultado: Desastre. Épico. Sem dar por nada, apaguei o meu site principal. Todo. Sem undo, sem remédio, pior que tudo, sem backup.

R.I.P. patriciafurtado.net

Quando percebi o disparate que tinha acabado de fazer, o meu coração despedaçou-se. Lá tive de o colar com muito jeitinho, fita-cola e clichés. Há males que vêm por bem. Não há coincidências. Estamos na Primavera, tempo de renovação. O blá-blá-blá costumeiro entre a Patrícia optimista e a Patrícia lixada.

Sim, o site precisava mesmo de uma lipo-sucção. Talvez até de um face-lift e de um peeling também. Mas era preciso mandar abaixo e começar tudo de novo? Chiça, não! Por agora vai ficar a marinar e vou brincando no Facebook e noutros recreios que andam por aí. Quando me passar a telha e tiver um segundo, logo se vê.

Respirei fundo e fui, então, deixar um recadinho para quem bater com o nariz na porta, no sítio onde morava, ainda há pouco, o meu rico site. E teimosa que sou, vim aqui criar o tal blog, ainda com design alheio. Bem vindos à minha tenda, vou acampar aqui por algum tempo.

3 Replies to “Catrapum!”

  1. Fala com o teu fornecedor de serviços de alojamento, e pede que te restaurem um backup do website.

    A menos que seja piada de 01 de Abril. Se for, felicidades para o novo blog!! 😛

    1. Não é peta, e já falei com eles, não há backups. Sou forreta e escolhi um alojamento baratucho. Mas é bom recomeçar do zero. É refrescante!

Leave a Reply