Literalmente sem bateria

Twingo sem bateria

Queria começar este post pela seguinte nota: faz-me comichão que se use mal a expressão “literalmente”. (Também me irrita um bocadinho que se encha um texto de aspas para indicar algo em sentido figurado, como se o leitor não fosse suficientemente inteligente para perceber quando alguma coisa não é literal, mas é assunto para outro post).

– Estou literalmente morta de cansaço! – juro que ouvi isto a alguém que não era nem um zombie nem um fantasma. Queridas pessoas que gostam de exagerar, por favor, escolham outro advérbio.

Este pequeno disclaimer é para salientar antes de mais que conheço perfeitamente o significado de “literalmente”, e que desta vez não fiquei sem bateria por deixar as luzes do carro acesas, ou por ter ficado um mês sem lhe pegar – tudo coisas mais que plausíveis para quem me conhece.

Fiquei literalmente sem bateria. Também fiquei literalmente sem auto-rádio. Gatunos!

Literalmente gatunos.

2 Replies to “Literalmente sem bateria”

Leave a Reply